UEMA PÓLO PEDREIRAS: TODA SEXTA TEM INTERVALO CULTURAL



Por Joaquim Filho 

A Universidade Estadual do Maranhão, respectivamente o Pólo de Pedreiras, está desenvolvendo um excelente projeto, cujo tema é: “Intervalo Cultural”, desenvolvido no próprio prédio da Universidade, que na cidade de Pedreiras funciona no CAIC, no Bairro São Francisco. 

O projeto é de autoria da professora de Literatura Patrícia Neres e está sendo desenvolvido com as turmas do curso de Letras e Matemática, com o apoio da coordenadora do Pólo, a senhora Carmem Lúcia. 

Nessa sexta-feira (26), véspera do aniversário da cidade, aconteceu mais uma edição do projeto “Intervalo Cultural”, que por sinal, uma vez que teve toda a cobertura do blog Pedras Verdes, foi constatado que realmente a professora Patrícia Neres está realizando algo de magistral e que merece o apoio, a participação e o envolvimento de todos as pessoas que trabalham com todo tipo de arte em Pedreiras e Trizidela do Vale, pois durante a realização do evento, percebemos que há espaço para todos: músicos, compositores, poetas, escritores, atores, atrizes, artesãos, escultores, músicos, artistas plásticos e enfim... 

A realização do projeto que aconteceu nessa sexta-feira foi algo de extraordinário onde pudemos presenciar a participação de vários artistas e poetas, os quais o evento já está aos poucos trazendo essas pessoas para terem a oportunidade de falar sobre o seu trabalho. 

Quem esteve falando sobre a poesia local foi o poeta Samuel Barrêto que fizera uma viagem histórica da nossa poética desde o poeta Corrêa de Araújo, passando por Kleber Lago, João Barrêto, Filemon Krause e outros, até chegar aos dias de hoje, onde a literatura pedreirense tem um nome forte graças a esse longo caminhar e a contribuição desses fazedores de literatura. 

Conversando com a professora Patrícia Neres, a mesma informou que o objetivo do projeto e sensibilizar, mobilizar e articular os acadêmicos de Letras e matemática do Pólo da UEMA em Pedreiras para dialogar sobre ações que promovam o desenvolvimento da cultura, envolvendo não somente nos acadêmicos, mas toda a comunidade em geral. 

Além da palestra do poeta Samuel Barrêto, aconteceram musicais, teatro, coreografia e uma bela apresentação de dança de capoeira do nosso amigo Cogumelo da Capoeira que levou o seu grupo e fez bonito para o público presente. 

1 comentários:

  1. PARABÉNS !!!!
    Todos os alunos, mais especialmente a minha colega FRANCISCA WALDA uma das idealizadora da SEXTA CULTURAL.

    ResponderExcluir

Pedras Verdes, Pedreiras, MA, Brasil.