HOSPITAL GERAL DE PEDREIRAS: O LEGADO DA INCOMPETÊNCIA INUMANA


Pedreiras, em sua nova gestão municipal têm encontrado muitos desafios em todos os setores. A administração de uma cidade como a nossa, requer amplo conhecimento técnico, emprenho e condescendência com o povo, principalmente daqueles que ora estão responsáveis por conduzir o município – isso é vital para o bom andamento da gestão.

As necessidades humanas, desde as mais básicas às mais urgentes e complexas, carecem de todos os tipos de recursos, além de: atenção, seriedade, comprometimento, complacência, doação, responsabilidade, honestidade, etc. Muitas são as precisões de um povo, que em sua maioria são vulneráveis, fragilizados, com demandas urgentes e que sofre com o câncer da corrupção e o cancro do desamor. 

Analisando agora a pouco um documento que chegara a nossas mãos, ficamos estarrecidos com tamanha falta de responsabilidade e respeito com a coisa pública, sem falar na falta de piedade com os cidadãos que buscam um atendimento, no mínimo, decente, no Hospital Municipal de Pedreiras. 

É fato público e notório e, amplamente divulgado pelo governo Lenoílson Passos em suas peças publicitárias e também em toda campanha político-partidária de seus pupilos - em meio a muita gabola - a compra, reforma e ampliação da unidade hospitalar de Pedreiras, antes chamada de Policlínica São Jorge e de propriedade da família Branco.  Compra tal, bastante questionada e debatida, mesmo porque, sabe-se que Pedreiras esteve com todas as condições de adquirir um novo hospital, fato este declarado publicamente pelo próprio secretario de saúde do estado do Maranhão. No entando na época, o prefeito recusou a proposta de construir uma nova unidade hospitalar, e sabe-se lá, porquê, preferiu arrematar o mausoléu da Rio Branco. 

Agora, caros amigos, depois de verificarmos alguns fatos, uns mais transparentes, outros nem tanto e, depois do caldo entonar, afirmamos que o Hospital Municipal de Pedreiras é uma verdadeira bomba atômica. A obra que começou no governo “Mais vida para todos”, transformou-se, em um passe de mágica, num imenso ''ELEFANTE BRANCO''.

Chamados a comparecer à Câmara de Vereadores de Pedreiras, os ex-gestores e atuais, das pastas de infraestrutura e saúde foram indagados na manhã de 08 de maio, ontem, pelos “nobrescos” vereadores, sobre o convênio Nº 125/2011/SES, processo Nº 22006/2011/SES entre Secretaria Estadual da Saúde e o município de Pedreiras que contemplariam a dita cuja, unidade hospitalar municipal de Pedreiras, com a reforma e ampliação de suas instalações. Com recursos empenhados no valor de 1.041.850,20 (um milhão, quarenta e um mil, oitocentos e cinquenta reais e vinte centavos), sendo que 900 mil provindos da SES e o 141.850,20 R$ deveria ser contrapartida do município. 

Na sessão da Câmara de Vereadores, o atual secretário de Infraestrutura Antônio França, o secretário de Saúde Alexandre Fonseca, o ex-secretário de Infraestrutura e atual vereador Elias Bento - que passou a bola para seu sucessor Ermínio Veloso, após muitas indagações não evoluíram muito na questão. Ora bolas, como juntar uma panela de caldo derramado na lama?

As muitas indagações feitas pelos vereadores tentando achar a cabeça de burro eram vãs, já que estava ali em sua frente à prova cabal e o atestado de inoperância e incompetência assinada pelo CONVENENTE. VEJA ABAIXO OS DOCUMENTOS, aprecie com moderação.


Notificação Técnica reprovando o pagamento da medição

Correspondência oficial do Estado com laudo técnico


Primeira página do convênio




13 comentários:

  1. EITA QUE O DINHEIRO DO POVO NESSE PAÍS NEGUIM METE A MÃO É COM VONTADE, É NA SAÚDE, É NA EDUCAÇÃO, INTÉ O DINHEIRO DA VOVÓ METERAM A MÃO, Ô CANBADA DE LADÃO.

    ResponderExcluir
  2. Alguém falou isso para a promotora, pois eu acho que ela não sabia disso. nunca vi ela tocar no assunto....será que ela nun sabe mesmo?

    ResponderExcluir
  3. Corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção, corrupção...
    Cadê a polícia, o Ministério Público, o Poder Judiciário?
    Até quando seremos roubados sem que nada seja feito? Até quando os corruptos desdenharão impunes? Até quando?

    ResponderExcluir
  4. E quando é que o atual governo vai começar a trabalhar mesmo? Ou vão continuar nessa de ficar acusando o governo anterior por todas as mazelas do município?


    Tô de olho!

    ResponderExcluir
  5. ESSE DESCASO DEVERIA JA TER PARADO NO TRIBUNAL E NA "TRIBUNA" DIARAQUE

    ResponderExcluir
  6. tenho certeza que a promotoria publica deve tomar uma atitude ou ja tomou pq com os concursados foi rápido espero que seja rápido também alias tem a caema ai roubando o povo e faltando agua na maioria dos bairros veja isso tb promotores e promotoras.

    ResponderExcluir
  7. Concordo com vc Paulo....Essa noticia eu não ouvi de manha cedinho na radio do Sr Klebinho Branco!Será pq ele foi um dos mais beneficiados com a venda dessa "MULECAGEM" que se chama o HOSPITAL MUNICIPAL???Jornal de araque e sem credibilidade...RIBINHA E SANDRO dois fantoches... Não queria ta na pele desse Prefeito não.Isso foi um uma bomba relogio que explodiu direitinho nas mãos do Prefeito ingenuo e sem experiencia.

    ResponderExcluir
  8. eleitor burro nunca vão criar vergonha na cara continuem votando em ladrão

    ResponderExcluir
  9. pedreiras princesa do Mearim a muitos anos vem sendo saqueada por políticos sem escrúpulos, políticos que vê o eleitor simplesmente como um eleitor nunca como gente, que vê se tô mentindo vá ao hospital geram! políticos que parece mais com um câncer todos com mente doentia só querem saber do dinheiro que entra na prefeitura pra poderem dividir, sai um entra outro pior em vez de trabalhar fica falando do passado,criem vergonha e façam seus nomes, mostre que são inteligentes, hoje fui a missa das seis horas vi na igreja gente que não sabe a qual religião pertence, ou seja não sabem o que é religião, vão lá por que é oportuno, e depois da missa ainda fazem propaganda politica dentro da igreja, espalhando mensagem das mães com uma foto do politico mais errado de pedreiras, o cara que larga sua esposa por outra por que é oportuno sabia que ia se dá bem, esse não sabe o verdadeiro valor da família.

    ResponderExcluir
  10. HOJE OUVIR EX. VEREADOR FALAR DO HOSPITAL,FICO PESANDO COMO A FAMÍLIA BRANCO LUCROU VENDA DESSE HOSPITAL QUE CUSTOU AS COFRES DE PEDREIRAS MAIS DE R$:1.000.000,00.SERÁ SE FOSSE VENDIDO A PARTICULAR VALERIA ESSE PREÇO EXORBITANTE.

    ResponderExcluir
  11. JÁ VIR GENTE DIZER QUE FOI 8.000.000,00

    ResponderExcluir
  12. sinceramente, esse hospital daqui da cidade... o atendimento não é bom! coheci doutores bons, mais a responsabilidade dos enfermeiros é pouca, o atendimento é péssimo!!!! nunca vi lugar pior em saúde e atendimento.

    ResponderExcluir

Pedras Verdes, Pedreiras, MA, Brasil.