O POVO QUER SABER: ENTREVISTA COM HEBEL CAVALCANTE

ÁUDIO DA ENTREVISTA

Por: Joaquim Filho

A equipe de reportagem do Blog Pedras Verdes através do quadro “O POVO QUER SABER, nesse sábado, dia 07 de janeiro de 2012, deslocou-se até a cidade vizinha de Lima Campos, para entrevistar o comunicador e empresário do ramo da comunicação, Hebel Cavalcante, da Rádio Atividade FM, Hebel Som e, agora TV Difusora (SBT), canal 9; (que em breve, será batizada de TV Casca Verde).

Feliz e abençoado é o homem que faz da sua profissão um Ministério, um Sacerdócio e um meio grandioso de valorizar a vida das pessoas, dentro da comunidade a qual faz parte. Assim, por longos anos, o honrado cidadão lima campense, Hebel Cavalcante vem fazendo. A comunicação é o seu ganha pão de cada dia, melhor dizendo, de todos os dias.

Com isso, Hebel um dia descobriu que o homem precisa crescer, ganhar asas, se tornar um Ser alado, voar, voar... Que os Dons que Deus nos oferece, precisam ser desenvolvidos. E, ao aceitar no seu coração, Esse que é o responsável pela Vida, olhou para dentro de si e descobriu um Homem novo e cheio de sonhos.

Deu reinício aos seus estudos. Estudou a Palavra de Deus e procurou-a viver em cada momento da sua vida. Formou-se em Teologia e agora está mergulhado numa pós-graduação em Filosofia.

O que nos impressionou nessa entrevista que realizamos com Hebel Cavalcante, é que, o mesmo, não é mais o Hebel que conhecemos há vinte e cinco anos. Há nesse novo homem um desejo de realizar projetos e ideias fantásticas que tem e pensa para o povo da sua cidade.


QUEM É HEBEL CAVALCANTE?

Hebel de Freitas Cavalcante nasceu em 16 de julho de 1958, na cidade de Lima Campos. Filho do casal Francisco Sousa Cavalcante e Helena de Freitas Cavalcante. Casado com a senhora Maria das Graças Monteiro, com quem tem três filhos e uma filha.

Hebel Cavalcante é formado em Teologia e, atualmente está cursando pós-graduação, em Filosofia.
                        
O cidadão de bem, Hebel Cavalcante tem no seu currículo de vida muitas experiências. Hebel, como se diz no provérbio popular “é passado na casca do alho”; porém, nunca se deixou perder de vista as suas origens. Sempre teve uma vida alicerçada na ética e nos valores que herdou dos pais que souberam lhe educar com muito amor e carinho.

No período de 1977 a 1979, morou em São Paulo; de 1980 a 1982, foi para Fortaleza-Ce, onde estudou e trabalhou. Também já morou nas cidades de Tucurui, Imperatriz e São Luís.
                
Ao retornar para a sua cidade, foi trabalhar de locutor de carro de som ambulante, nas cidades de Lima Campos, Pedreiras e demais cidades da região. Por ser privilegiado com uma voz belíssima, logo ganhou notoriedade e admiração dos meios de comunicação, no Maranhão.
                     
Em Pedreiras, foi locutor das Rádios Cultura de Pedreiras e FM Cidade.
                      
Por um bom período trabalhou no Departamento de Marketing das Empresas Café Mamoré e Imperial Motos, do empresário José Valdeci Silva. Nesse período, viajou por vários Estados divulgando com a sua voz inconfundível, os produtos que a empresa lançara, na época, no mercado. Sem esquecer, aqui, de falar da amizade, da confiança e do respeito que sempre nutriu do senhor Valdeci Silva e dos seus filhos.
                     
Em 1998, fundou o primeiro veículo de comunicação da cidade de Lima Campos, a então Rádio Atividade FM e, recentemente, em setembro de 2011, estreou a primeira Televisão oficial de sua cidade, a repetidora da TV Difusora, SBT, canal 9.
                      
Converteu-se em 1998, na Assembleia de Deus de Pedreiras, durante uma sonorização que estava fazendo para a Igreja.
                     
Hebel Cavalcante é hoje um empresário bem sucedido e bastante conhecido no ramo de som. Podemos até dizer que atualmente é o maior da região, em locações de som para shows, casamento, aniversário, formatura, congressos, carnaval, São João e eventos culturais. A Empresa Hebel Som já vem realizando eventos nos Estados do Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte e outros. Nos dias 28, 29, 30 e 31, fez a sonorização do III Festival de Música Popular João do Vale, que teve a participação de cantores de diversos lugares do Brasil. Hebel Som hoje é uma marca forte e de muito sucesso e profissionalismo.
                       
Mas o seu forte, o que tem lhe projetado para a vida social e a popularidade de sua cidade é o trabalho que Hebel Cavalcante vem há anos realizando em prol das pessoas mais necessitadas da sua cidade. Não divulga isso para não ser confundido de interesseiro. Hebel Cavalcante foi forjado nos princípios de que o seu nome e a sua honra são presentes herdados pelos pais; destarte, faz disso uma muralha de proteção, onde nada possa enodoar a sua alma e sua imagem. Pois, somente agora, o Blog Pedras Verdes está revelando ao mundo.
                       
Atualmente, não há nada que aconteça na cidade de Lima Campos que não tenha o apoio de som, imagem, telão, objetos diversos como cadeiras, mesas e aparelhos eletrônicos patrocinados por Hebel Cavalcante.
                       
Embora seja um homem evangélico e filiado a um partido político, não faz diferença de pessoa, seja ela quem for: partido, religião, classe social, enfim... Quando é para ajudar, Hebel está junto do povo da sua querida cidade.
                     
Está filiado ao Partido Humanista da Solidariedade e, confirmou que é pré-candidato à Prefeito Municipal de Lima Campos. Falou que a pretensão de ser candidato, não se trata de um sonho pessoal, de um projeto isolado, no sentido de defender interesses próprios; mas sente que com a maturidade, os conhecimentos, o exemplo de vida que ostenta hoje, sente-se como a pessoa ideal para dirigir os destinos administrativos da sua cidade.
                      
Embora esteja à frente de uma Rádio e uma TV, na cidade de Lima Campos, Hebel Cavalcante declarou que isso não lhe traz dinheiro, e sim, realização pessoal, no sentido de canalizar esses meios de comunicação para um serviço de utilidade pública.
                     
Quando conversávamos em “off”, Helber me disse: “Joaquim Filho, eu jamais usei a Rádio Comunitária para fazer política partidária para mim ou para “A” ou “B”. Os veículos de comunicação que dirigimos estão a serviço da comunidade, como prestadores de serviço, na linha da conscientização e do conhecimento do nosso povo tão enganado e massacrado por um sistema político que humilha o cidadão e a cidadã de Lima Campos”.
                      
Portanto, senhoras e senhores “blogueiros”, eis aqui, na íntegra, áudio e texto da entrevista que realizamos com o pré-candidato a Prefeito de Lima Campos, Hebel Cavalcante, que acreditamos ter dado mais um grande passo, no sentido de contribuir com a sociedade lima campense, de forma imparcial e transparente.

Joaquim Filho: Hebel Cavalcante, Boa tarde!
Hebel Cavalcante: Boa tarde, Joaquim! Quero dizer-lhe que é um prazer recebê-lo em nome do Blog Pedras Verdes e, dizer que é uma alegria e uma satisfação muito grande tê-los conosco, aqui, nessa tarde.

Joaquim Filho: Hebel, nós sabemos em toda região que você é uma pessoa ligada à comunicação. Você trabalha com som. Está com uma Rádio que já está com dez anos fazendo um trabalho muito bonito e, futuramente você vai inaugurar uma TV, aqui na cidade Lima Campos. Uma repetidora da TV Difusora. Queria que você falasse sobre esse seu projeto.
Hebel Cavalcante: Bem, Joaquim, nós podemos dizer... Eu sou o pioneiro na área de comunicação. Sou grato a Deus por isso, pela oportunidade que tivemos. Abraçamos, sabendo que fazer comunicação no porte de Lima Campos, é só para quem realmente ama esse lugar, para quem vive Lima Campos e quer contribuir realmente de alguma forma. Mas se formos olhar pelo lado financeiro, ter uma Rádio em Lima Campos, ter uma TV em Lima campos, eu creio que não compensa realmente. Mas, como filho daqui, que amamos essa terra e que queremos o melhor para ela, então, nós como cidadão lima campense, nós temos que nos doar. Então, é um grande prazer hoje ter a Rádio Comunitária, como você falou: há dez anos, é uma realidade, a Rádio Atividade, em Lima Campos. Temos um trabalho relevante em todos os âmbitos sociais. Podemos dizer também na questão espiritual, como o programa das Igrejas tanto Evangélicas como Católica. Temos um relacionamento muito bom com todas as Igrejas, Pastores, Padres da cidade, enfim... Então, o trabalho da Rádio Atividade FM, eu posso te garantir que é realmente uma Rádio Comunitária. Por quê? Porque aqui nós não restringimos. Nós não fazemos acepção de pessoas. Quem precisa da Rádio Comunitária e que vem a nós, nunca recebeu a porta fechada. Os microfones estão sempre abertos. Fazemos um trabalho social, de solidariedade há dez anos nessa Rádio. Pedreiras e Trizidela do Vale, até mesmo na época das enchentes que atormentam aquele povo de lá, Lima Campos é solidária via Rádio Atividade FM, como as Igrejas locais. Nós realizamos um dia inteiro de campanha, e aqui, nós arrecadamos alimentos, roupas, calçados, redes, colchões, às vezes até fogões, camas e, levamos para Pedreiras. Eu costumo dizer que Lima Campos é uma cidade muito solidária. Só para você ter uma ideia, uma vez nós nos encontramos com um senhor fazendo uma campanha num carro de som, eu falei: “Eu já lhe vi, lá em Lima Campos”. Ele falou: “É a cidade que mais ajuda”. Eu nunca fiz uma campanha aqui, independente para quem quer que seja, independente do que esteja acontecendo com a pessoa, para que a gente realmente não fosse bem correspondido. Por isso, todas as campanhas que nós fazemos, nós já temos a certeza que Lima Campos, em peso, vai participar: quer seja em dinheiro, quer seja em alimento; mas as pessoas estão sempre participando das nossas campanhas. Então, eu sou muito grato a Deus pela Rádio que temos hoje, pelo trabalho que nós prestamos à sociedade, que eu tenho certeza que é um trabalho que já gerou credibilidade ao longo dos anos. Então, nós não temos dúvida. Falar alguma coisa do Hebel, como homem, como pessoa, pode se falar. Somos homens, somos limitados, não somos perfeitos. Mas falar da Rádio Atividade FM é um risco muito grande de queimar a língua, porque temos um trabalho aceito totalmente pela sociedade.
Quanto a TV, Joaquim, recebemos uma proposta da TV Difusora de fazermos um contrato para retransmitirmos a programação da TV Difusora e ao mesmo tempo também ter a nossa programação local. Algo que não tínhamos em nosso Município. Estudamos um pouco, porque sabemos que tudo isso requer ter dinheiro, recursos e, a nossa condição é um tanto limitada. Mas, vendo a necessidade de que Lima Campos realmente precisa também está presente com a comunicação, na questão da Televisão, nós nos esforçamos. E, posso dizer a você que desde o dia 10 de dezembro de 2011, que nós estamos com a programação da TV Difusora, em nosso Município e, queremos agora dia 15, no aniversário da nossa cidade, em que completa 50 anos, nós queremos inaugurar oficialmente a nossa TV Difusora, canal 9, Lima Campos. Queremos colocar o nome TV Casca Verde, com a nossa programação local, a partir do dia 15 de janeiro, que é o aniversário de Lima Campos e da Rádio Atividade FM, e que vai marcar a inauguração da TV Casca Verde, canal 9, Lima Campos.

Joaquim Filho: Bom, esse nome Casca Verde é sugestivo! Pois, o Blog é Pedras Verdes! Hebel, a gente percebe que em Pedreiras, Lima Campos e nessa região, começam a surgir novos nomes, pessoas novas, jovens que estão levando os seus nomes para o lado da política. Percebemos que existem dois fatores, dois caminhos para um homem ou mulher se direcionarem para a política: quando ele tem muito dinheiro, ou quando ele tem popularidade ou trabalho. Aqui em Lima Campos a gente vê a segunda opção. A sua forma de vida. A sua popularidade, a forma como você vive Lima Campos. É verdade que você está começando a trabalhar essa questão da política, em você? Você é pré-candidato a Prefeitura Municipal de Lima Campos?
Hebel Cavalcante: Bem, Joaquim, foi difícil para eu deixar a ficha cair; para realmente começar a nos engajar nesse sentido de trabalharmos o nosso nome como pré-candidato a Prefeito. Posso dizer que tudo isso surgiu numa pesquisa, naquele quesito espontâneo. O nosso nome surgiu e fomos indagados por um amigo que me disse: “Tu sabes que teu nome saiu na pesquisa?”. Isso para mim foi uma surpresa muito grande. Se bem que no fundo, Joaquim, todos nós não temos como fugir da política partidária. Tínhamos vontade, sim, porque víamos a necessidade que o nosso Município poderia estar caminhando melhor. Crescendo de uma forma mais uniformizada, na questão social. A gente como lima campense, que ama esse lugar, a gente fica preocupado e desejoso que alguém realmente tome de pulso, tome conta do nosso Município, como se tivesse tomando de conta da sua própria família. Quando o nosso nome surgiu na pesquisa, na espontânea, nós, é claro, ficamos surpresos, ao mesmo tempo alegres. Mas fiquei assim meio como sem jeito, como quem não queria acreditar e com medo de encarar as pessoas: “Ah, Hebel, tu és candidato agora?” Então, para mim, foi difícil realmente encarar este desafio. Mas hoje posso dizer com mais naturalidade que eu já me posiciono como pré-candidato, entendeu? E te digo com toda certeza. Não é fácil! Porque quando você falou que para isso acontecer na vida de um cidadão, ou ele é rico, ou tem popularidade, ou é uma pessoa que lida com o social, que abraça essa causa. No nosso caso, graças a Deus que não é por motivo do dinheiro, porque dinheiro nós não temos. Quanto à popularidade, não vamos dizer que temos toda essa popularidade! Mas a população tem o reconhecimento, é testemunha do nosso trabalho social como Rádio e a nossa vontade mesmo de querer ver o povo viver com mais dignidade. Então, nós estamos hoje aí, colocando o nosso nome como pré-candidato. Somos o único pré-candidato que além de ser filho de Lima Campos – embora os demais sejam -, mas somos o único que reside aqui, que mora aqui, que está aqui todos os dias. Quer seja final de semana, ou feriado. Tudo que nós já conseguimos conquistar com o nosso trabalho árduo e difícil, nós temos investidos no nosso Município. Por exemplo, o da Rádio, da Televisão e o nosso Som que gera alguma mão-de-obra no nosso Município, e que temos o nosso Som fixado aqui na nossa cidade. O nosso desejo, de ganhar realmente o reconhecimento da nossa população, é trabalhar com essa consciência que nós vemos trabalhando. Eu não quero ganhar o reconhecimento da população lima campense pelo o que eu tenho. Mesmo porque o que eu tenho é muito pouco. Eu quero ganhar o reconhecimento da população de Lima Campos pelo o que eu sou, pelo o que eu represento, pela transparência do nosso trabalho, pela vontade de ver o nosso Município crescer. Eu quero que Lima Campos estude Lima Campos e veja quem está disposto a contribuir com o crescimento do nosso Município; principalmente na área social, Joaquim Filho. Para mim, se eu fosse colocar diante de Deus, esse Ministério seria a área social. Seria trabalhar para ver as pessoas terem uma vida mais digna. Então, eu me preocupo muito nesse setor. Sou consciente de que as pessoas me veem assim também: como alguém preocupado, como alguém que ama este Município. Às vezes é duro para alguns, às vezes algumas pessoas resistem fazer vista grossa para não reconhecer quem é o Hebel, que mora e vive nesse Município. Porque muitos são levados pelo interesse pessoal, lamentavelmente. Nós precisamos ver a política não como um interesse pessoal. Não como um benefício pessoal. Devemos ver a política como um todo. Política não é o Hebel fazer política e assumir um cargo eletivo e, de repente está se dando bem. Não. Política é nós buscarmos e conquistarmos o nosso espaço dentro da política e trabalhar para o povo e o nosso Município. Então, eu espero muito em Deus e creio que o povo de Lima Campos vai cada dia se conscientizando que o Hebel é o único pré-candidato que de fato e direito merece ter o voto da maioria da população lima campense, porque moro aqui, sou filho daqui, vivo aqui. Eu respiro Lima Campos! Entendeu? Então, eu acho muito simples, se alguém chegasse para os demais pré-candidatos e dissesse: “Olha, admiro você. Admiro você que é de Lima Campos e hoje é um empresário bem sucedido onde você mora. Mas eu quero dizer que você tem que entender que não é porque o Hebel tem menos dinheiro, é uma pessoa humilde financeiramente falando, que eu vou deixar de votar nele. Porque é a única pessoa que mora aqui e está aqui conosco. Agora quando você vier morar no nosso Município e se estabelecer dentro de Lima Campos e começar a trabalhar e gerar emprego aqui no Município de Lima Campos, com certeza, eu também te darei apoio”. Nessa oportunidade que está surgindo agora, eu creio, Joaquim Filho, que Lima Campos deveria ser unânime e dizer assim: “O meu candidato é o Hebel, pois ele é filho daqui e mora aqui, conosco!”.

Joaquim Filho: Hebel Cavalcante, me diz uma coisa: você como pré-candidato a Prefeito Municipal de Lima Campos, o que você pensa para essa cidade, no social, na educação, na infraestrutura...?
Hebel Cavalcante: Bem, Joaquim, na questão social, que eu creio ser o que eu tenho a ver muito com isso. Eu creio que eu iria me esmerar, me esforçar o máximo para buscar meios de que realmente nós tivéssemos uma sociedade mais igual, mais igualitária. Na questão da saúde, priorizar a saúde, priorizar a educação. Como priorizar a saúde e a educação? Buscar bons profissionais, pagar um salário ideal, como também na questão da educação. Como é que nós podemos ter bons alunos, com bons professores, se nós os remuneramos mal? Então, eu acho que em contrapartida, nós como Municípios, como Gestor temos que dá um bom incentivo. Temos que pagar um bom salário para que nós possamos cobrar do professor e para que o aluno possa sentir o verdadeiro interesse em estudar, em aprender. Então, eu vejo o seguinte: que a questão social é o mal, é o câncer. Não só de Lima Campos, do Maranhão, mas do Brasil. A gente vê a sociedade como um todo, temos que trabalhar para todos. Temos projetos de construir a casa do Homem do Campo, dentro do Município de Lima Campos. Criar um pólo esportivo no interior. Escolher um povoado, por exemplo, Bom Jesus, para que possamos integrar a Zona Rural, onde possamos estimular os jovens e adolescentes a estudarem. Sendo que para participar dos torneios e dos campeonatos, você precisa estudar e ali ganhar prêmios. Temos como projeto a Casa do Estudante, em São Luís. É um projeto de alguém que já foi candidato a Prefeito de Lima Campos, que é interessante e já temos ventilado essa ideia também. Quanto aos demais povoados, fazer um governo participativo. Onde nós conversemos com as comunidades e busquemos através delas o que realmente devemos fazer em cada povoado. Cremos que com esse pensamento, voltado para o social, nós temos como realmente ter uma grande participação como Gestor desse Município.

Joaquim Filho: Hebel, nós gostaríamos de agradecer pela sua atenção, pela sua recepção calorosa, aqui na sua casa e, dizer para você que o Blog Pedras Verdes está de portas abertas, quando você quiser se pronunciar. Gostaríamos de deixar você bem à vontade para as suas considerações finais. Caso ainda queira fazer mais alguma colocação, fique à vontade.
Hebel Cavalcante: Joaquim, eu fico grato. Quero agradecer de coração a sua vinda, de ter vindo de Pedreiras aqui, para conversarmos e mostrarmos também o que nós pretendemos como Munícipes deste lugar, Lima Campos. Mas eu quero te dizer que em relação aos demais pré-candidatos, eu desejo toda sorte para eles. Que Deus esteja abençoando os demais pré-candidatos do nosso Município. E dizer para você que eu também não quero ser Prefeito de Lima Campos de qualquer jeito. Primeiro, só se for da vontade de Deus; depois, da vontade do povo. Se essa confiança realmente puder ser conquistada, sinceramente, estarei disposto a dá o máximo de mim. Mas não aqui dizer que pré-candidato “A” ou pré-candidato “B” são pessoas que não tenham a mínima condição de administrar esse Município. Eu não quero me colocar nessa posição. Volto a dizer: desejo boa sorte a todos os pré-candidatos e peço a Deus que seja eleito, aquele que realmente venha corresponder, porém, diante das perspectivas e das necessidades desse Município. Quanto a vocês do Blog Pedras Verdes, fico muito contente. Admiro o trabalho de vocês. Todos os dias eu acesso o Blog Pedras Verdes. Gosto dos comentários. Às vezes, eu vejo os comentários de Pedreiras e sinto uma inveja saudável, na questão política. Sinto a necessidade onde os jovens de Lima Campos deveriam estar se politizando mais. Se preocupar mais com o bem-estar desse Município. Esquecer um pouco as brincadeiras e gastar as suas energias com festas e outras coisas, mas que procurasse viver e ver a realidade do nosso Município, para que crescesse politicamente; pois, amanhã, pudessem se tornar grandes políticos desse Município, quem sabe representando o nosso Maranhão. Então, o Blog Pedras Verdes, para mim, Joaquim, é um dos Blogs mais conceituados da nossa região. Creio que também seja um dos mais acessados. Vocês estão de parabéns pelo trabalho de vocês. Quero aproveitar ainda essa oportunidade para desejar um Feliz 2012 para todos vocês do Blog Pedras Verdes. Para todos aqueles que acessam o Blog Pedras Verdes, que o ano de 2012 seja um ano realmente de conquistas, de vitórias, onde cada Gestor que for eleito, em 2012, ele esteja imbuído de todo compromisso, de toda responsabilidade, e fazer o melhor pelo seu Município. E, O MAIS, QUE DEUS NOS ABENÇOE!

14 comentários:

  1. Grande Hebel, eu gostei da sua entrevista. vc tá afinado para o palanque. já tem a voz bonitae com a experiência da Igreja você vai matar a pau. Boa sorte e torsso por você. A paz do senhor.

    Lima Campos

    ResponderExcluir
  2. SABE O QUE EU GOSTEI NA SUA ENTREVISTA, SR. HEBEL CAVALCANTE? É QUE O SENHOR NÃO FALOU EM PRIMEIRA PESSOA,TAL QUAL OS DEMAIS. VOCÊ SEMPRE SE REFERIU QUANDO RESPONDIA AS PERGUNTAS DO ENTREVISTADOR, DA SEGUINTE FORMA: NÓS, NÓS, NÓS... POR CASO DISSO, NOTA DEZ PARA O SENHOR.
    PRECISAR DE UM ADVOGADO RECÉM FORMADO, ESTOU AQUI,

    DR. DALLUZ GUEDES.
    ADVOGADO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Dr. Guedes, quero agradece-lo de coração pela sua observação, que na verdade so fiu perceber depois do seu comentário, que bom! Mas sinceramente gostaria do seu contato? Abraços! o nosso E-mail é hebelsom@hotmai.com

      Excluir
  3. Muito boa essas entrevistas, elas permitem a gente descobrir o valor das pessoas. Para mim Hebel era só uma pessoa que montava som paraneguim fazer festa. Olha esse rapaz tem bagage,

    Robin Hood de Pedreiras

    ResponderExcluir
  4. rapaz se eu tivesse a voz desse Hebel eu tava era na Globo disputando com Galvão bueno. Que gogo.

    Carro de som

    ResponderExcluir
  5. "Marina morena Marina você se pintou
    Marina faça tudo
    Mas faça o favor
    Não pinte este rosto que eu gosto
    Que eu gosto e que é só meu
    Marina você já é bonita
    Com o que Deus lhe deu

    Já me aborreci, me zanguei
    Já não posso falar
    E quando eu me zango, Marina
    Não sei perdoar
    Eu já desculpei tanta coisa
    Você não arrajava outro igual
    Desculpe Marina, morena
    Mas eu tô de mal, de mal com você
    De mal com você."

    ResponderExcluir
  6. TO VENDO A CARA DESSE POVO!

    POLÍTICO ATÉ AGORA É TUDO IGUAL

    ResponderExcluir
  7. Fico muito contente em ler e ouvir a entrevista de uma pessoa que transborda tanta paixão e emoção por sua terra, pelo lugar onde nasceu, cresceu e para onde - mais tarde - retornou para constituir e criar sua família, pensar e, principalmente, construir tantos sonhos que vêm se provando ferramentas maravilhosas para a vida de tantas pessoas e significaram tanta transformação positiva nessa cidade tão querida. Acredito vigorosamente que Lima Campos encontrou seu futuro prefeito, alguém que demonstra através da construção de sua própria história que está preparado para assumir esse importante desafio e que, sem sombra de dúvida, irá cumpri-lo com louvor! Boa sorte, Hebel! Estou torcendo para que o povo acredite nesse seu novo projeto e lhe dê a chance de - como em todos os outros projetos que realizou - colocá-lo em prática para que possa, mais uma vez, transformar a vida de tantos irmãos a seu redor!

    ResponderExcluir
  8. O pré-candidato Hebel Cavalcante abordou uma coisa muito interessante: mora, vive e está todos os dias em sua cidade. É bom o povo refletir sobre isso. Vejam o que estáacontecendo em Pedreiras. O gestor nunca está na cidade, a família e o mesmo vivem eternamente em São Luis e, como o "home" é muito família, não sai da saia da "muié".

    Robin Hood de Pedreiras

    ResponderExcluir
  9. Às vezes estamos tão próximo e tão distante das pessoas que não conseguimos acompanhar a sua evolução. Estou surpreso grande Hebel! Essa notícia sobre a sua formação teológica é muito bacana, assim como sua investida numa pós! Você devia explorar mais a questão da educação, já que a sua própria vida teve um salto qualitativo e quantitativo por conta da sua busca pela formação educacional. Esta, ainda continua sendo a melhor saída para quem não nasceu ou nasce em família com poder aquisitivo acima da média Brasil. É necessário que os profissionais da educação comecem a trabalhar a ideia, para o alunato, de que é a médio/longo prazo que se terá o retorno almejado quando se trilha pela educação o caminho para alcançar a estabilidade financeira, melhor qualidade de vida, uma sociedade preocupada em garantir os direitos fundamentais e sociais e outros benefícios que inevitavelmente virão como consequência de uma boa educação.

    É triste e muito preocupante ver jovens quererem conseguir o que desejam através da "facilidade" aí imposta pela corrupção e perpetuada por políticos mau caráter.

    Torço para que você não enverede por esta via obscura.

    Quarta Via.

    ResponderExcluir
  10. Gostei da entrevista. Espero que outras lideranças de Lima Campos tenha tambem a visão de fazer com que a nossa região desenvolva. Este ano é ano de eleição espero que o povo de Lima Campos saiba escolher em qual estrada vá caminha durante 4 anos.
    José Filho

    ResponderExcluir
  11. parabens até que enfim um verdadeiro filho de Lima Campos

    ResponderExcluir
  12. Eu sou irmã do Hebel, e portanto, posso parecer suspeita em falar dessa pessoa completamente apaixonada por nossa querida Lima Campos. Não tenho dúvidas de suas melhores intenções para nossa cidade e seu povo. Ele é daquelas pessoas que se dedica de corpo e alma em tudo que faz. Gosta, ele mesmo,de botar a mão na massa e não mede esforços em realizar seus projetos, sempre focados em Lima Campos, seja na área social, de lazer, espiritual. Enfim, é daquelas pessoas que pode está ausente em um evento familiar, para poder comparecer num acontecimento em prol da comunidade, seja voltado para a Igreja, ou algo mais informal. Ele é tão "enlouquecido" por essa cidade que mal consegue ir a São Luís e ficar mais de que um dia. Me visitar no Rio de Janeiro, onde moro há mais de trinta anos é sonho meu que já ando desistindo de se realizar. Rapaz trabalhador! Empreendedor. Pai orgulhoso. Apaixonado por tudo que faz e, temeroso ao Senhor. Acredito mesmo, que com tantos atributos e caráter, meu irmão HEBEL tem muito a oferecer como futuro prefeito de nossa cidade! Esse é um limacampense de verdade! Nesse podemos depositar nossa confiança, e esperar dias melhores para a nossa gente. Com fé e trabalho podemos chegar lá. Valeu Blog Pedras Verdes. Maria Helena Cavalcante.

    ResponderExcluir
  13. Bela entrevista, não parece e nem é papo de político, é sim papo de quem realmente deseja trabalhar por essa cidade que é tão judiada por más políticos, Acredito eu que no momento Hebel Cavalcante é solução para Lima Campos, não é possível que Lima Campos caia na lábia de quem se formou em política e quer só continuar a robalheira na cidadde, ACORDA Lima Campos, prestem bem atenção em quem votar, preferem viver sem progredir e apoiar alguém que nem mora aí e que nem apoia vocês? Ou preferem dar um voto de confiança a quem está com vocês noite e dia apoiando e ajudando todos de braços abertos? Creio que 2012 será o ano da vossa libertação... Hebel, pela sua entrevista digo: Estou com você!

    ResponderExcluir

Pedras Verdes, Pedreiras, MA, Brasil.